Innovara Odontologia Moderna

INNOVARAKIDS participou do 26º Congresso Brasileiro de Odontopediatria, em Gramado/RS

Nos dias 01 a 03 desse mês, a Dra. Daniele Cassol Arruda participou do 26º Congresso Brasileiro de Odontopediatria que ocorreu em Gramado – RS.

Inúmeros pesquisadores consagrados na especialidade abordaram assuntos extremamente relevantes, através das melhores evidências científicas atuais. Foram discutidos temas como Odontologia materno-infantil, enfatizando os primeiros 1000 dias da criança; Odontologia minimamente invasiva; Oclusão, bruxismo e DTM ao alcance da Odontopediatria; Alterações estruturais do esmalte dentário; Traumatismo alvéolo-dentário na infância e reabilitação bucal em pacientes pediátricos; Terapia pulpar na dentição decídua, entre outros temas bastante significativos para o atendimento do paciente infantil.

O curso Master a respeito de cárie precoce da infância, que teve como palestrantes os renomados professores Saul Paiva (UFMG), Fausto Mendes (USP),  Jaime Cury (Unicamp) e Carlos Alberto Feldens (ULBRA), enfatizou os cuidados com a higiene e com a alimentação na infância; o diagnóstico e as mais indicadas decisões restauradoras; o uso de fluoretos no controle da doença e o impacto na qualidade de vida das crianças acometidas por essa condição. Após o curso, os palestrantes tiveram a oportunidade de discutirem entre si alguns tópicos bastante polêmicos como a ainda questionada cariogenicidade do leite materno versus a importância da amamentação, concluindo que, apesar de até o momento não haver evidência científica que comprove essa associação, o aleitamento materno deve ser instituído de forma racional: livre demanda nos primeiros seis meses de vida e complementar até os 24 meses de idade devido a diversas questões que envolvem não apenas a saúde bucal e geral do indivíduo, mas também o pleno desenvolvimento do sistema estomatognático.

O simpósio ministrado pelo professor Marcelo Bönecker (USP) que abordou as alterações estruturais de esmalte, chamou a atenção para a erosão dentária infantil, condição vista frequentemente na cavidade bucal das crianças, sendo a principal causa a ingestão de produtos ácidos. Alimentos que muitos pais acreditam serem inofensivos, como sucos artificiais e até mesmo alguns naturais, podem colaborar com a erosão ácida causando desgastes na estrutura do esmalte dentário. O simpósio também reiterou a nova recomendação da Associação Americana de Pediatria e da Sociedade Brasileira de Pediatria de oferecer sucos aos bebês apenas após o primeiro ano de vida. O ideal é que as frutas sejam ingeridas in natura, para que suas fibras e nutrientes sejam preservados e para que não ocorra um aumento rápido da glicose no sangue.

O próximo Congresso Brasileiro de Odontopediatria ocorrerá em 2019 e, com certeza, nossa equipe estará presente trazendo as melhores evidências e novidades! Até lá!

Dra. Daniele Cassol Arruda
Odontopediatra e Mestre em odontopediatria (UFRJ)

Acompanhe a Innovara: Facebook | Instagram | Site

<< Voltar

Resp. Técnica: Dra. Tatiana Franco | CRO RJ 21630 | EPAO 3695

Altera Centro de Inteligência em Serviços